Website only available to a limited extent
Please enable cookies to use the website in full extent.

Gravidez

Durante a gravidez, é-se confrontado com muitas inseguranças e questões. Quais alimentos deve-se prescindir e quais devem ser incluídos na alimentação? Quais suplementos apoiam a alimentação durante a gravidez?

Está grávida? Felicidades!

Agora, a comida e a bebida não são mais só para si, mas também para o bem do seu bebé. Entendendo isto, muitas gestantes sentem-se motivadas a lidar com os hábitos alimentares atuais, a reconsiderá-los e a adaptá-los quando necessário. Talvez sente-se da mesma maneira? Com o conhecimento de que, com uma dieta equilibrada durante a gravidez, pode dar ao seu filho um início de vida ideal e influenciar positivamente o curso da gravidez, bem como o desenvolvimento da criança além do nascimento.

Comer por dois?

O lema é: Não coma por dois, come duas vezes mais nutritivo! Durante a gravidez, e logo durante a amamentação, a gestante necessita sobretudo mais vitaminas e minerais. Não é preciso qualquer alimentação especial para o conseguir, e muito menos uma dieta. Oriente-se pelas recomendações da Pirâmide Alimentar Suíça e planeie um cardápio variado. Cada alimento fornece diferentes nutrientes importantes. No entanto, uma dieta equilibrada por si só não pode atender a necessidade crescente de certas vitaminas e minerais durante a gravidez. Por este motivo, deveria tomar um preparado de ácido fólico já ao desejar ter um filho. Além disto, recomenda-se vitamina D em gotas. Pergunte ao médico ou nutricionista se necessita tomar suplementos de ferro, ácidos gordos ômega-3 ou vitamina B12.

Aumentam as necessidades energéticas?

Mesmo que o seu corpo tenha um desempenho máximo durante a gravidez, a sua necessidade de energia aumenta ligeiramente e apenas a partir do 4.º mês de gravidez (a partir do 2.º trimestre). Para cobrir a necessidade adicional de cerca de 250 calorias, por exemplo, é suficiente uma fatia de pão integral com um pedaço de queijo ou um punhado de nozes. A partir do 7.º mês de gravidez sobem as necessidades energéticas a 500 kcal por dia. Este aumento pode ser coberto, por exemplo com muesli feito de flocos de cereais, frutas, nozes e leite.

Não evite certos alimentos por precaução, a menos que tenha sido diagnosticado com alergias ou intolerância. Informe o seu ginecologista se tiver que omitir muitos alimentos ou grupos inteiros de alimentos devido a intolerâncias.  Apesar disto, com a ajuda de um nutricionista poderá assegurar uma dieta que cubra as suas necessidades.

Vegetarianas
Durante a gravidez e o período de amamentação também é possível uma alimentação vegetariana. No entanto, não se recomenda uma alimentação puramente vegana.

Evitar: Álcool e…

Recomenda-se evitar o consumo dos seguintes alimentos durante a gravidez:

  • álcool
  • bebidas energéticas e com teor de quinino (2 chávenas de café ou 4 chávenas de chá preto/verde não é problemático)
  • leite cru, queijo de pasta mole e semiduro de leite de vaca, ovelha, cabra; não representa qualquer problema, porém, o queijo duro e a mozzarella
  • produtos animais crus e não cozidos totalmente (como por exemplo, tartar, enchidos fumados, presunto cru, sushi, peixe fumado, alimentos com ovos crus como tiramisú)
  • fígado nos 3 primeiros meses de gestação 
  • carne de caça

e por último mas não menos importante: uma alimentação equilibrada pode ser facilmente adaptada se o companheiro participa. Ambos fazem bem para a saúde e, mais tarde, são bons modelos para a criança.

Gravidez e Queijo da Suíça

Tenho cuidado de não consumir os seguintes produtos perigosos durante a gravidez: 

  • Leite cru e produtos fabricados dos mesmos (exceto queijo duro e extra-duro), queijo mole e semiduro de leite pasteurizado, feta e queijo azul.
  • Mozzarella e queijo duro podem ser consumidos sem problemas e servem, como o leite, iogurte e quark, para cobrir a necessidade de cálcio.
  • Produtos animais crus e não cozidos totalmente, carpaccio, bifes mal passado, enchido cru (diferentes tipos de enchidos fumados), peixe cru (sushi) e marisco cru, peixe fumado (por exemplo, salmão, truta fumados), alimento de ovos crus (p.ex. tiramisú)

Fonte: Schweizerische Gesellschaft für Ernährung SGE www.sge-ssn.ch

0

Cookies no website: O nosso website utiliza cookies para que nós e os nossos parceiros possamos reconhecê-lo e para saber como utiliza o nosso website. Ao utilizar o nosso website, declara estar de acordo com o nosso uso de cookies. Mais informação.